Memorial para a Eterna Memória do Caipira de Poço Redondo...

Personalidade Eterna do Sertão

As homenagens ao escritor Alcino Alves Costa não pararam na inauguração da principal rua de Poço Redondo, que passava a se chamar Avenida Alcino Alves Costa, nem com as placas de homenagens, nem com a outorga do Título "Personalidade Eterna do Sertão", concedido pelo Cariri Cangaço, SBEC, GECC e GPEC.

Logo após a solenidade na praça de Poço Redondo os convidados do Cariri Cangaço Piranhas 2015 se deslocaram até a inauguração do esperado Memorial Alcino Alves Costa. Para Ustane Alves, filha do escritor homenageado "o Cariri Cangaço era a vida de papai, ele passava o ano inteiro esperando chegar e hoje temos essa maravilhosa homenagem, muito obrigado".

Manoel Severo e Rangel Alves da Costa no Memorial Alcino Alves Costa

Com a presença do casal de pesquisadores, Archimedes e Elane Marques responsáveis pelo Cariri Cangaço em Poço Redondo; contando com a participação de familiares, foi inaugurado o Memorial Alcino Alves Costa, tendo a frente um dos filhos de Alcino, o pesquisador, escritor e cronista, Rangel Alves da Costa, que recebeu a todos e foi o responsável pela concepção do Memorial, localizado na residência em que Alcino morava , no centro de Poço Redondo.

Nas dependências do Memorial, estão mantidas e expostas além dos móveis e utensílios pertencentes a família, objetos pessoais de extremo valor sentimental e que contam a história deste que sem dúvidas é um dos mais ilustres filhos de Poço Redondo e de Sergipe. Ali despontam sobretudo seu farto material de pesquisa e fotos, inúmeras fotos, centenas de fotos marcando a trajetória de vaqueiro da história do decano Caipira de Poço Redondo, como ele mesmo gostava de ser conhecido.
 Lena e a homenagem de Elane Marques; Ustane Alves recebendo a família Cariri Cangaço

Juliana Pereira, advogada e pesquisadora cearense; "filha de coração" de Alcino Alves Costa; comenta: "incrível, Alcino foi prefeito por três vezes de Poço Redondo, e hoje em seu Memorial testemunhamos que a maioria das fotografias e da memória viva do lugar está ligado a sua vida de pesquisador do cangaço, principalmente dentro de nosso querido Cariri Cangaço".

Para Manoel Severo, curador do Cariri Cangaço, "Alcino era mais que um amigo, com  um senso e um zelo de justiça incomum, sempre aberto ao diálogo com o contraditório, nos ensinava mais com  sua postura e sentimento do mesmo com suas espetaculares descobertas... Alcino trata-se de um grande pesquisador, é verdade; grande como poucos, mas Alcino antes de qualquer coisa foi um ser humano sem igual, gigante...enorme... que saudade de seu sorriso, de seu olhar aguçado, de seu coração do tamanho de todo o sertão". Por fim os convidados do Cariri Cangaço foram recepcionados por almoço oferecido pela família Alves Costa.

Cariri Cangaço Piranhas 2015
Memorial Alcino Alves Costa, 26 de Julho
Poço Redondo, Sergipe

2 comentários:

Elian Cruz disse...

Nosso querido Alcino! Saudade!
O poeta do Sertão e eximo estudioso do Cangaço, mais um exemplo de que a única riqueza que levamos além do tumulo é o saber e a dedicação por semear experiências visionarias por todo mundo.
Elian Cruz
Relações Publicas, Comunicóloga, Professora, Cerimonialista, Produtora Cultural e Artistica

Gabriel disse...

Foram poucos momentos juntos, mas cada um dele foi repleto de aprendizado ao lado do mestre Alcino. Merece todo nosso respeito e homenagem.

Parabéns a todos que fizeram parte deste maravilhoso evento.

Abs
Gabriel Barbosa