Paulo Afonso festeja Centenário de Maria Bonita

.

O Memorial da CHESF na cidade de Paulo Afonso ficou totalmente lotado para a maravilhosa noite de abertura do Seminário Internacional do Centenário de Maria Bonita. O berço da rainha do cangaço reuniu em grande estilo, destacados estudiosos, pesquisadores, escritores, universitários, empresários, lideranças políticas e classistas, para reverenciar a história de uma das sertanejas mais famosas do planeta: Maria Gomes de Oliveira, a Maria do Capitão; Maria Bonita de todos nós.

Antônio Galdino, Mestre de Cerimônia do evento
João de Sousa Lima, coordenador geral do Seminário
Secretário de Cultura e Esportes de Paulo Afonso, Janinho 

As Conferências de Abertura tiveram a doutora Juliana Ischiara, do Ceará, sobre o Papel da Mulher no Cangaço, trazendo aspectos dos vários desafios enfrentados pelas sertanejas que participaram deste importante fenômeno nordestino, pontuando as questões do paternalismo e da sociedade machista reinante. Juliana também apresentou as mudanças ocorridas a partir da entrada das mulheres no cangaço e a força da personalidade de Maria Bonita.

 Juliana Ischiara
Kiko  Monteiro

A segunda conferência da noite ficou sob a responsabilidade do músico e bloqueiro Kiko Monteiro, da cidade sergipana de Lagarto. Kiko Monteiro apresentou para uma atenta platéia a força da mulher cangaceira, prepoderantemente Maria Bonita, na música brasileira e internacional. Com uma apresentação rica em imagens e som, Kiko conseguiu emocionar a todos revivendo sucessos imemoriais de grandes compositores brasileiros, com destaque para o Rei do Baião, Luiz Gonzaga.

Nely Gonçalves e Luiz Ruben
Kiko Monteiro e José Cícero 
 Romário, Jack de Witt e Pawlo Cidade
Dona Fátima, Nely e Dra. Francisquinha
Gilmar Teixeira e Bosco André
Alcino Costa e casal Dr. Pedro Luiz e Mariele
Voldi e Wilson Seraine
Sousa Neto e Leandro Cardoso
Wilson Seraine, Antônio Vilela e Sousa Neto
Jack de Witte .

4 comentários:

José Mendes Pereira disse...

Felicidade para todos os congressistas, melhor dizendo, seminaristas, que participaram e continuarão participando até a manhã, 26, das festividades em comemoração ao centenário da nossa amada rainha Maria Bonita.

E que Deus proteja cada família ao retornar para as suas cidades.

José Mendes Pereira - Mossoró-RN.

marques_felipe disse...

Sou um recém chegado do assunto e tudo que tenho a dizer é que estou mto triste de não poder estar aí (em Paulo Afonso)!!! Tantas personalidades reunidades, tantas histórias, memórias e eu não pude ir.
Quero deixar o meu parabéns ao Ilustre João de Sousa Lima (grande organizador e meu iniciador no tema) e o meu muito obrigado ao blog pela ótima cobertura do Seminário!
Felipe - Macaé/RJ

Anônimo disse...

Como admiradora e seguidora do assunto Cangaço, assumo, que inveja dos participantes deste congresso.
Com certeza adquiriram tanto conhecimento...mas um dia eu vou.

Isabel Zastani

Julio Cesar disse...

Caros amigos

O Seminário Internacional do Centenário de Maria Bonita foi um grande sucesso.
João de Sousa Lima está de parabéns pelo belíssimo trabalho.
Gostaria de destacar o apoio de Gilmar e Voldi que, junto com João, foram grandes anfitriões e trouxeram grandes oportunidades de conhecer a história do cangaço e as belezas de Paulo Afonso.
A sapiência desse trio de ouro foi uma fonte onde todos puderam saciar a sede de saber.
Conhecer Angiquinho, de Delmiro Gouveia, foi um sonho realizado.
Muito obrigado meus queridos amigos e, mais uma vez, parabéns pelo sucesso desse grande evento